quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Tenho vergonha de ser igual a esses...


Somos fracos,
quando nos deixamos levar pelas aparências,
pelo cheiro,
pelo gosto,
pelo brilho...
Somos limitados,
quando não acreditamos em nós mesmos,
Somos infantis,
quando temos medo de mostrar quem realmente somos,
Somos egoístas,
porque não fomos educados para viver em comunidade,
sempre fomos incentivados a competir,
quando queremos ser os melhores,
desejamos ter cada vez mais posses,
quando temos medo de perder o que conquistamos,
Somos mesquinhos,
quando gastamos nosso tempo falando dos outros,
criticando,
julgando,
condenando,
não sabemos compartilhar o que temos,
Somos cruéis,
quando damos valor a notícias ruins,
quando programas sensacionalistas e trágicos batem recordes de audiência,
quando paramos o carro para ver pessoas feridas no chão e não fazemos nada,
quando vemos pessoas deitadas nas calçadas e fingimos não ver,
Como dizia nosso velho Raú:
"É você olhar no espelho
Se sentir um grandessíssimo idiota
Saber que é humano, ridículo, limitado
Que só usa dez por cento de sua cabeça animal
E você ainda acredita que é um doutor, padre ou policial
Que está contribuindo com sua parte
Para o nosso belo quadro social"
Esse é o retrato do ser humano de hoje, assim somos nós.
Pensem nisso!
Ainda podemos mudar!

Um abraço!
Bianca Gabriela.